quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Sonhar é preciso

Sonhar é preciso
Todos precisamos de sonhar
O sonho comanda a vida
Sem sonhos a vida fica sem sentido
Quem não sonha não alcança
Eu
Você
Todos nós
Precisamos de sonhar
Mesmo nos dias mais escuros devemos manter o sonho
É nas noites mais frias que nos agarramos aos sonhos
Tornar meus sonhos reais não depende só de mim
Mas depende principalmente de mim
Tenho que acreditar em mim
Tenho que querer
Tenho que desejar
Tenho que sonhar
Mesmo acordado tenho que sonhar
Sonhar com a felicidade
Sonhar com a alegria
Sonhar com o amor
Há sonhos difíceis de alcançar
Mesmo assim é preciso sonhar.


video

9 comentários:

Rosa caída disse...

Parabéns amigo.
É um maravilhoso poema, cheio de esperança e fé.
Uma alegria para alma, para os sentidos.
Todos precisamos sonhar porque o sonho comanda mesmo a vida, e sem ele ficamos perdidos, isolados.
Pode brilhar sempre o sol dentro de nós ainda que lá fora faça um certo frio...mas temos o sonho.
Ele é luz, força, firmeza, é rasgar horizontes, alcançar as estrelas, a lua, o próprio sol...é poema.
Adorei ler.
Um grande abraço.
Nely.

MMAF disse...

Olá.
Mesmo acordados precisamos sonhar, é verdade, diria até que é ainda mais importante porque é consciente e sem sonhos para realizar mergulhamos no marasmo da rotina, do cotidiano, que nos aprisiona a alma e os sentidos e nos paraliza.
Espero amigo, que o sonho te leve em frente e te abra horizontes vastos de paz e felicidade tão intensos que te leve ao cume do monte, não esquecendo que é na subida que está a alegria da descoberta, da conquista.
Parabéns mais uma vez pelo belo video que acompanha o teu sentir, o teu "Sonhar...
Beijo.

Beta disse...

Uma amiga recomendou-me este blog há algum tempo, mais pelo (sentir que pelo dizer) disse ela.
Hoje arranjei um tempinho e aqui estou, e realmente leio um mundo de emoções, de sentires, de conflitos interiores dificeis de abalizar e também não estou aqui para isso.
Deixo uma frase que utilizo com frequência: QUEM NÃO SONHA NÃO VIVE.
A esperança da nossa vida está em construir, desenvolver e alcançar os sonhos.
"Depois da tempestade vem a bonança" alguém disse aqui num comentário, talvez seja o tempo de bonança, navegue agora não "à deriva" mas protegido num porto seguro.
Dias ensolarados para si...e de sonhos realizados.

Luciana Horta disse...

Olá! Estou conhecendo seu espaço hoje!
Peço licença para entrar e deixar algumas palavras...

Eu sonho acordada e dormindo. Mas sempre sonho! Às vezes os sonhos parecem bolinhas de sabão - lindas, multicoloridas e reais. Mas aí me bate um medo de tocá-las e elas estourarem...
Se bem que bolinhas de sabão têm tempo determinado de vida, mesmo se serem tocadas né?

Abraços de LUz

Susy disse...

O circo chegou...vamos há festa.
Que bom amigo, seu coração está para cima, com vontade de sonhar, e isso é a mola real da vida.
Todas as coisas boas do mundo começaram com apenas...um sonho.
Em nossas vidas é igual, o começo é a capacidade de sonhar, depois tudo é possível, basta pervalecer.
Estou contente, posso abrir meu sorriso ao visitar seu cantinho.
Comecei bem meu dia hoje.
Um beijo de paz.

" Minha Vida" disse...

..Sonhar é viver por isso sonha e vive ..Parabéns pelo teu espaço voltarei .

" Minha Vida" disse...

..Esqueci-me gostei da musica lol ..
Bjs

A Flor do Sul disse...

Eu quero os meus sonhos de volta.
Quero poder ter a mesma esperança, pu a simples coragem de deixar tudo pra trás e recomeçar do zero, igual eu era antes, ainda que as coisas não voltem a ser o que eram... e não é isso que eu quero.
Eu só queria poder acreditar que amanhã vai ser melhor, igual eu acreditava até ontem...

Amei o teu blogue.
Parabéns.
Tu reste comment ça, s-il vous plait.

manzas disse...

Descobri…
Um banco do jardim
Que me segredou
Em poesia…
Aromas que aqui
Encontrou
De paz
E de harmonia...

É bom estar aqui...

O eterno abraço…

-Manzas-

DEIXEI DE FAZER ANOS, VOU VIVER DIA A DIA

Dias que já vivi Dias que irei viver?
Todas as fotos que ilustram os meus poemas são de minha autoria, para assim tornar tudo o que dele faz parte mais meu.