sábado, 20 de março de 2010

Dar e receber

Eu quero
Tu queres
São parte de um verbo
Eu quero amar
Eu quero viver
Eu quero ser feliz
Eu quero....
Eu quero....

E o verbo eu dou?
Eu dou
Tu dás
Ele dá ....
Difícil de conjugar este verbo não é?

Dar para receber
Deveria ser este o mote principal
Da vida de todas as pessoas
Mas o egoísmo
O pensar só no próprio
Torna cada dia mais difícil
Dar para receber
É cada vez mais
Receber
Receber

No amor
Na amizade
Na família
Temos e devemos cada dia mais
Agradecer a quem nos dá algo
Ainda mais quando pouco se preocupa
Se recebe ou não algo em troca

Obrigada a todas as pessoas
Que até hoje na minha vida
Me deram e dão algo
Sem pedir nada em troca
Família
Amigos
Conhecidos
Especialmente a ti
Que estiveste
Ou estás na minha vida
Obrigada



sexta-feira, 19 de março de 2010

Distância

Não importa quanto degraus terei que subir ou descer
aqueles de quem gosto nunca estarão distantes
Estar distante
É
Não ver
Não sentir
Não tocar

Estar distante
É
Sentir saudades
Sentir a ausência
Sentir a falta

Não existe distância
Na amizade
Na familia
No amor

A distância é uma medida geométrica
Nos sentimentos não existem medidas
Simplesmente ou sentimos ou não
O longe se faz perto
Longe da vista
Perto do coração

domingo, 7 de março de 2010

when you say nothing at all- Ronan Keating

Um poema maravilhoso acompanhado de uma musica linda e que já não ouvia há algum tempo mas que recordei ontem e foi especial e que ficará para além dos tempos.

video

DEIXEI DE FAZER ANOS, VOU VIVER DIA A DIA

Dias que já vivi Dias que irei viver?
Todas as fotos que ilustram os meus poemas são de minha autoria, para assim tornar tudo o que dele faz parte mais meu.